Quais os serviços eu tenho direito no reparo do meu automóvel?

Evite dores de cabeça em um sinistro! Saiba como agir.
7 de janeiro de 2020
Quem eu devo acionar caso minha Seguradora aja de má fé?
17 de janeiro de 2020

Quais os serviços eu tenho direito no reparo do meu automóvel?

Para todo e qualquer consumidor que consiste em ter efetuado uma compra honesta perante as regularidades da lei, o mesmo possui direitos feitos especificamente para ele para que seja assegurado caso possua algum imprevisto, ou até mesmo prejuízo relacionado a compra de um produto ou a obtenção de um serviço a partir de um fornecedor ou empresa.

Então sempre que possuir alguma questão relacionada ao produto ou serviço que não atingiu expectativas que o fornecedor ofereceu durante a compra, lembre-se de procurar seus direitos e questione pelos mesmos.

Entretanto, você sabe os seus direitos básicos de consumidor?

 

Seus direitos principais como consumidor

 Primeiramente, como qualquer consumidor que adquire um produto ou serviço pode se encaixar nas normas determinadas pelo Código Civil de Direitos do Consumidor. Conheça e fique a par de seus direitos.

  • Informação: Antes de realizar qualquer compra de serviços ou produtos, o fornecedor deve apresentar todas as informações referente à compra, o preço, a garantia, as condições que ele se encontra, duração, benefícios, riscos, composição, fabricação, entre outros. Não se deixe levar por achar que não é obrigação do vendedor, pois ele está ali também para isso então esclareça todas as suas dúvidas;
  • Liberdade de escolha: Todo consumidor no momento de optar em adquirir um produto deve obrigatoriamente possuir liberdade no momento de escolha, sem que seja pressionado, ameaçado, chantageado ou sofra qualquer interferência do consumidor;
  • Propaganda enganosa ou abusiva: Quando você possui interesse em um produto ou serviço através do que foi apresentado em uma propaganda, e quando adquire ele não atende as expetativas apresentadas, é seu direito exigir que tudo que foi citado seja cumprido. Caso você já adquiriu a compra, você possui direito de reivindicar um novo produto (que seja o mesmo que foi apresentado na propaganda) ou de receber seu dinheiro de volta;
  • Proteção contratual: O CDC protege cláusulas estabelecidas no contrato de obtenção de um produto ou serviço, ou seja, quando as mesmas não são obedecidas ou abusivas, o as cláusulas podem ser anuladas e ou alteradas pelo Juiz;
  • Garantia: O que muitos não sabem é que obrigatoriamente, qualquer obtenção de um produto ou serviço, o fornecedor deve oferecer 90 dias de garantia caso tenha um problema, riscos, falta de execução do que foi prometido, entre outros. Lembre-se que mesmo que seja negado, é um direito básico. Esse tempo de garantia pode alterar conforme estabelecido na compra do produto, normalmente quando há um maior investimento o tempo de garantia se estende, porém, o mínimo é 90 dias;
  • Indenização: Pela lei, o consumidor tem direito básico de ser indenizado caso o seu produto não atinja as expectativas informadas pelo próprio fornecedor, quando o mesmo possui problema de execução, o serviço não foi completo e outros motivos. Muitos consumidores não sabem que possuem esse direito e que ele é fundamental para trazer uma compra mais agradável;
  • Acesso á Justiça: Por fim, todo consumidor que adquire um produto ou serviço que sofreu alguma dessas, ou outras, interferências que o impediu de executar a função estabelecida desde o início, tem direito de acesso á justiça quando necessário para reivindicar suas necessidades.

 

 

Direitos no reparo do seu automóvel                          

Agora que você sabe o básico dos seus direitos principais como consumidor, certifique-se dos direitos específicos para cada caso, cada compra ou serviço. Muitos tendem a alterar e ser objetivos para cada nicho do mercado. Saiba agora os direitos quando se trata dos serviços que irão estar inclusos no reparo do seu automóvel.

  • A montadora é sempre responsável por ter disponibilizado no mercado um produto que possui defeito, principalmente quando a mesma causa prejuízo;
  • Guarde comprovantes: Serviços prestados pela oficina devem gerar comprovantes, em caso de falha ou interferência, os serviços devem ser prestados novamente sem taxa adicional, ou o cliente deve receber o reembolso;
  • Recall: Caso a Justiça determine que havia a necessidade de recall e a mesma não foi fornecida pela oficina, há a possibilidade do fornecedor ser multado, podendo chegar até em 7000 reais;
  • Revenda de produtos: Caso seja negado pelo consumidor, a venda de produtos usados do automóvel sem seu consentimento pode gerar uma multa;
  • Manutenção correta;
  • Informações sobre o estado real que o veículo se encontra, é proibida a não emissão de todas as informações referentes ao seu carro;
  • Peças: Em caso de alguns modelos, as peças devem ser especificas para o mesmo e isso é um detalhe que deve ser respeitado pela oficina. Lembre-se de questionar esses detalhes principalmente quando você irá pagar por uma peça original.

 

Existem ainda algumas objeções e serviços específicos para cada modelo de automóvel, cada necessidade, causas inerentes a acontecimentos que irão determinar os serviços que a oficina tende a oferecer, principalmente quando você paga por eles. Em caso de dúvidas extremas, procure um advogado ou troque ideia com pessoas e serviços semelhantes que possuem experiências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *