Revisão Automotiva: como e quando fazer

Envelopamento Automotivo: Conheça as Principais Vantagens
Envelopamento Automotivo: Conheça as Principais Vantagens
4 de março de 2021
O que fazer com o veículo depois de uma enchente
O que fazer com o veículo depois de uma enchente
11 de março de 2021

Revisão Automotiva: como e quando fazer

Revisão Automotiva: como e quando fazer

Muitas pessoas sonham, trabalham e lutam a vida toda para realizar a  conquista de possuir um veículo próprio. Mesmo com os esforços e em alguns  casos necessidade de financiamentos, conquistar um veículo está presente nos  desejos e necessidades de muitos indivíduos. 

Mais que apenas por status ou  para ser um item de luxo, atualmente é de extrema necessidade possuir um meio  de transporte acessível, confortável, seguro e disponível para as carências relacionadas às cidades, metrópoles e principalmente as responsabilidades  relacionadas à rotina. 

Entretanto, além do próprio gasto, melhor denominado como um  investimento, um veículo possui suas obrigações e responsabilidades perante  suas manutenções, cuidados, legislações, documentações e burocracias.

Devido a isso, antes de realmente investir ou financiar um automóvel, é  importante saber que o mesmo carregará algumas obrigações (que podem  solicitar um gasto), que o mesmo poderá ter manutenções, emergências e que  existem documentações a serem pagas de período em período. 

A revisão  automotiva é uma dessas necessidades e pode até ser considerada como uma  responsabilidade do motorista, para com sua segurança, a de terceiros e até  uma “estratégia” de economia futura.  

Do que trata-se a revisão automotiva? 

A revisão automotiva, como o próprio nome afirma, trata-se de uma  revisão que é realizada nos automóveis, a revisão é uma forma de rever o funcionamento, peças, estado do veículo, acessórios, e demais funções que são  estabelecidas ao veículo. 

É uma maneira estratégica de rever se tudo está  devidamente funcionando e atuando corretamente, sendo uma estratégia pois  quando a revisão é feita antes de realmente necessitar de manutenção ou um  conserto mais agravante, a tendência é obter uma economia. 

Para realizar a revisão automotiva, basta estabelecer um padrão de  intervalos, sempre baseados no modelo do veículo, exposição ao exterior, rotina  e localização. Pois afinal, cada automóvel possui suas particularidades, exposições e necessidades que são agravadas pela localização e rota que o

proprietário realiza, além de obter a influência do próprio modelo do veículo. Com  um padrão de intervalo estabelecido, fica mais garantido os cuidados do carro.  

A importância em realizar a revisão automotiva  

A importância em realizar a revisão automotiva está em ser ressaltada por  inúmeros benefícios. Primeiramente, como já foi citado anteriormente, o ato de  realizar as revisões automotivas pode ser relacionado com uma estratégia de  economia. 

Uma vez que estabelecendo um padrão de revisões constantes, será  possível prever ou mesmo realizar a manutenção de alguma necessidade em  relação às peças, acessórios ou componentes do veículo. 

Evitando assim, a  junção de manutenções e consertos, que podem virar uma bola de neve capaz  de gerar um alto prejuízo. Sendo uma forma de manter a vida útil do  veículo maior. 

Além de claro, fora a economia, a importância em realizar a revisão  automotiva é proteger e assegurar a segurança do proprietário, usuários do  veículo e até mesmo a segurança de terceiros. 

Pois, é importante ressaltar que  uma simples peça que não realiza sua função pode prejudicar outros elementos  e assim gerar um problema maior, podendo até acarretar uma colisão ou  imprevisto pior. 

É uma forma de evitar o desgaste excessivo e prejuízo futuro.  Por exemplo: quando há um desgaste excessivo do óleo do motor (responsável  por evitar que o atrito entre as peças internas) ou seja, o óleo estar “vencido” pode contribuir para a aceleração da desvalorização do veículo e  desgaste interno.  

Como fazer a revisão automotiva? 

Para realizar a revisão automotiva, é necessário que seja feita em uma  oficina mecânica de confiança, no qual o proprietário possui uma sensação de  credibilidade e qualidade no trabalho que será realizado. 

Pois mesmo que não  seja uma manutenção de extrema necessidade, ainda sim a revisão automotiva  carrega muita relevância e responsabilidade, pois um pequeno erro, pode  agravar os demais elementos, peças e componentes do veículo. 

Por isso, é essencial conhecer o trabalho, as recomendações e resultados das oficinas da  região no qual reside, ou mesmo solicitar uma indicação de alguém de confiança.

Quando realizar a revisão automotiva? 

Como foi citado anteriormente, a revisão automotiva deve ser um  “compromisso” estabelecido pelo proprietário do veículo para com a oficina de  confiança. 

A mesma deve analisar todas as condições, modelo e necessidades  do veículo e então estabelecer o período de intervalo que o mesmo deve obter  uma revisão, de acordo com o seu contexto. É importante saber que deve ser  feita com intervalo de período em período, sempre orientado por um profissional  e seguindo as recomendações do mesmo.  

É possível também seguir um padrão já utilizado por inúmeras oficinas  mecânicas. Normalmente, as revisões são realizadas de 6 em 6 meses ou após  10 mil km rodados (percorridos). 

Mas, é possível ter um padrão de troca de  algumas peças e elementos do veículo nas revisões, nos quais necessitam de  uma atenção para a sua “validade”, sendo eles: troca do filtro de ar do  motor, filtro de combustível e filtro do ar-condicionado a cada 15 mil km e  substituição das velas de ignição a cada 20 km. 

Mas, é necessário que a grande maioria das peças tenha uma revisão em toda a revisão automotiva que for realizada. Pois, cada elemento possui sua  importância e se conecta com outros componentes através do seu  funcionamento, se o mesmo não estiver correto, pode prejudicar o veículo como  um todo. 

Com isso, é necessário realizar a revisão de: motor, freios, embreagem,  pneus, bateria, câmbio, fiação, cabos elétricos, ar-condicionado, filtro do ar, filtro  do combustível, velas, iluminação completa, sistema elétrico, o sistema de  arrefecimento, acessórios, óleos vencidos, entre outras questões básicas.  Apesar de ser viável sempre analisar todos os elementos do veículo.  

A revisão automotiva também pode ser realizada antes de qualquer  viagem, ou rota de longo percurso, como sendo uma forma de garantir que tudo  estará corretamente funcionando, que estará preparado para todo o trajeto e  evitar qualquer imprevisto e emergência de alto gasto. 

Mas, é claro que as  revisões podem ser realizadas quando o motorista sentir uma insegurança ou  precisar rever alguma movimentação “estranha” ou irregular das peças e  elementos. Como foi dito anteriormente, a revisão é uma forma de prevenir, cuidar da vida útil do veículo e garantir uma segurança e economia maior.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *